Noticias - 15/07/2021

Coronavírus: as empresas podem medir a temperatura dos empregados?

Coronavírus: as empresas podem medir a temperatura dos empregados?

Por Marcelo Mascaro Nascimento, sócio do escritório Mascaro Nascimento Advocacia Trabalhista e diretor do Núcleo Mascaro
 
O empregador tem o poder de dirigir, organizar e criar regras para a execução do trabalho. Sendo ele o proprietário da empresa, seu direito de propriedade lhe permite conduzir o negócio da forma que entender mais apropriada. Apesar dessa liberdade, existem limites que ele deve respeitar. Um deles é a intimidade e privacidade do trabalhador.
 
Em razão disso, os tribunais da Justiça do Trabalho não permitem práticas que violem esses direitos dos empregados, como a revista íntima, que é aquela em que há o desnudamento total ou parcial do corpo do trabalhador. Já a revista pessoal, realizada sem contato físico, por exemplo, através de detector de metais, tem sido admitida.
 
Nota-se, assim, uma disposição da jurisprudência a conciliar a intimidade e a privacidade do empregado com os interesses da empresa.
 
Com a atual pandemia provocada pela Covid-19, surge certo temor de se contrair o vírus no ambiente de trabalho. É importante ressaltarmos que o empregador é responsável por assegurar um ambiente de trabalho saudável aos trabalhadores, podendo, inclusive, ser condenado judicialmente a pagar indenização àqueles que sofreram de alguma moléstia causada em razão de um ambiente de trabalho não seguro.
 
Em razão disso, embora ainda não haja nenhuma lei específica sobre a questão, parece ser possível a medição de temperatura dos empregados com a única finalidade de prevenir a contaminação pela Covid-19. Tal medição, contudo, não poderá implicar nenhuma violação da intimidade ou privacidade do empregado.
 
Por isso, ela teria que ser realizada mediante aparelho sem contato físico. Além disso, seria recomendável que os dados obtidos não fossem divulgados a terceiros e nem armazenados e que as medições fossem realizadas em local privativo.
 
Também é indispensável que a medida não seja motivo de perseguição ou discriminação a nenhum trabalhador. As medições não devem privilegiar e nem perseguir ninguém.
 
Por último, trata-se de medida excepcional que se justifica em um momento de crise sanitária como a atual, em que há probabilidade maior do que o normal de se contrair uma doença no ambiente de trabalho, com possibilidade de causar morte.
 
Passada a pandemia, a continuidade da medição se tornaria uma prática abusiva.
 

Fonte: Exame.com, 07/05/2020


Compartilhe

Dr. Marcelo Mascaro

Advogado do Trabalho, CTO

Blog Mascaro

As tendências, oportunidades e novidades das áreas dos direitos do trabalho e cível, de gestão de pessoas e de cálculos trabalhistas e previdenciários

Pessoas de terno fazendo cumprimento com o cotovelo
Noticias

Empregados podem negar o retorno ao trabalho presencial?

Os funcionários que estavam em

Ler mais
Pessoa segurando uma taça de vinho, representando a profissão de sommelier
Legislação

Novas profissões: MTP reconhece 22 atividades na Classificação Brasileira de Ocupações

No início de 2022, o MTP (Ministério do Trabalho e Previdência) reconheceu  22 novas atividades na CBO (Classificação...

Ler mais
Pessoa contando um bolo de dinheiro
Noticias

Pis/Pasep 2022: será que você tem direito a receber o abono?

Os servidores públicos ou da iniciativa privada, com renda de até 2 salários mínimos mensais, têm o

Ler mais
Noticias

Gestante demitida no contrato de experiência não obtém reintegração

Gestante demitida no contrato de experiência não obtém reintegração

Ler mais

Direto ao Ponto

por Dr. Marcelo Mascaro

Advogado com experiência e conhecimento, atuando na área há mais de 25 anos, Marcelo Costa Mascaro Nascimento mantém viva a tradição e a referência do nome Mascaro Nascimento.

homem falando no radio ao trabalhar de vigia
Mascaro na Exame - 11/05/22

Vigia que trabalha desarmado tem direito ao adicional de periculosidade?

Ler mais
fachada da caixa economica federal onde as pessoas recebem o pis
Mascaro na Exame - 29/04/22

O que é PIS/PASEP e como recebê-lo?

Ler mais
empregado se sente reprimido pelo padrao estetico da empresa
Mascaro na Exame - 20/04/22

A empresa pode exigir certo padrão estético do empregado?

Ler mais
o que sao danos morais coletivos
Mascaro na Exame - 07/02/22

O que são danos morais coletivos? Advogado explica

Ler mais