Noticias - 15/07/2021

Empregado que pertence a grupo de risco da Covid-19 tem direito de transferência para setor da empresa com menor risco de contágio?

Empregado que pertence a grupo de risco da Covid-19 tem direito de transferência para setor da empresa com menor risco de contágio?

Por Marcelo Mascaro Nascimento, sócio do escritório Mascaro Nascimento Advocacia Trabalhista e diretor do Núcleo Mascaro


Toda relação de trabalho entre empregado e empresa pressupõe subordinação daquele em relação ao empregador. 
 
Assim, no cotidiano da prestação do serviço, o trabalhador deve se sujeitar às ordens de trabalho dadas por seu superior hierárquico sempre que compatíveis com a função para a qual foi contratado.
 
Nesse sentido, de modo geral, o empregador tem o poder de definir o setor onde o empregado irá trabalhar e desempenhar suas funções, não cabendo ao trabalhador essa escolha, a menos que a própria empresa consinta com isso.
 
Por outro lado, todo trabalhador tem direito à redução dos riscos inerentes ao trabalho, o que significa a obrigação da empresa em reduzir ao máximo, dentro das possibilidades, qualquer risco à saúde, à segurança e à vida do empregado.
 
Aliado a isso não se pode negar que estamos vivendo em um momento excepcional devido à pandemia da Covid-19, em que a vida dos mais diversos trabalhadores se encontra em risco em razão da possível exposição ao Novo Coronavírus no ambiente de trabalho.
 
Com base nisso, por exemplo, um médico empregado em determinado hospital, por ter mais de 60 anos, ser hipertenso e possuir arritmia cardíaca, conseguiu judicialmente o direito a ser transferido para setor distinto daquele de sua atuação originária e onde houvesse menor risco de contaminação pela Covid-19.
 
O fundamento para tal foi que sua condição de pertencer ao grupo de risco da Covid-19 justificava a transferência para outro setor. Deve-se esclarecer, contudo, que ainda são poucas as decisões da Justiça do Trabalho sobre o assunto e o direito ou não à transferência ainda é controvertido.

Artigo original publicado em: Revista Exame

Compartilhe

Dr. Marcelo Mascaro

Advogado do Trabalho, CTO

Blog Mascaro

As tendências, oportunidades e novidades das áreas dos direitos do trabalho e cível, de gestão de pessoas e de cálculos trabalhistas e previdenciários

Noticias

Trabalhador trans tem direito a usar qual banheiro na empresa?

Advogado trabalhista explica o que a lei atual defende sobre a disponibilidade de sanitários de ac...

Ler mais
Noticias

Como combater o assédio moral no ambiente de trabalho?

Em artigo, o advogado trabalhista Marcelo Mascaro explica como atender a lei e manter um ambiente de trabalho seguro e sau...

Ler mais
Noticias

Igualdade salarial entre homens e mulheres: a empresa precisa comprovar? Como?

Advogado trabalhista explica como as companhias devem se posicionar para cumprir a lei e as possíveis penalidades, caso a ...

Ler mais
Noticias

A empresa pode fazer perguntas sobre signo e mapa astral em entrevista de emprego?

O advogado trabalhista Marcelo Mascaro explica se uma empresa pode ou não checar o signo durante o processo se...

Ler mais

Direto ao Ponto

por Dr. Marcelo Mascaro

Advogado com experiência e conhecimento, atuando na área há mais de 25 anos, Marcelo Costa Mascaro Nascimento mantém viva a tradição e a referência do nome Mascaro Nascimento.

- 21/09/23

O Trabalhador por aplicativo tem direitos?

Direto ao ponto - Marcelo Mascaro

Ler mais
- 16/08/23

Acordo coletivo prevalece sobre convenção coletiva?

Marcelo Mascaro Convenções e acordo coletivos têm como finalidade com...

Ler mais
- 25/05/23

A equiparação salarial entre empregados de diferentes empresas de grupo econômico

A equiparação salarial é uma decorrência lógica dos princípios da igualdade e da não discriminação. Ela está prevista no a...

Ler mais
Banheiro de local de trabalho
Mascaro na Exame - 29/07/22

A empresa pode restringir a ida ao banheiro de seus empregados?

Ler mais