Noticias - 15/07/2021

Revisão de normas prometida por Bolsonaro aumentará acidentes de trabalho?

Revisão de normas prometida por Bolsonaro aumentará acidentes de trabalho?

Marcelo Mascaro Nascimento, sócio do escritório Mascaro Nascimento Advocacia Trabalhista e diretor do Núcleo Mascaro
 
O presidente Jair Bolsonaro 
disse por meio do Twitter  no dia 13 de maio que o governo federal vai rever normas de segurança do trabalho para “desburocratizar” o setor.

A proteção da saúde do trabalhador é uma das principais preocupações do Direito do Trabalho. Há normas exigindo essa proteção na CLT, na Constituição Federal e em tratados internacionais, como as convenções da Organização Internacional do Trabalho (OIT).
 
O respeito e cumprimento a essas normas é de grande importância. No Brasil, conforme dados do antigo Ministério da Previdência e Assistência Social, em 2011 ocorreram 711.164 acidentes do trabalho. Esclarecemos que caracteriza acidente do trabalho o incidente ocorrido pelo exercício do trabalho a serviço do empregador, provocando lesão corporal ou perturbação funcional que cause a morte, a perda ou a redução, permanente ou temporária, da capacidade para o trabalho.
 
Além disso, também são considerados
acidente do trabalho não apenas esses incidentes, mas também outras hipóteses, como a doença adquirida pelo trabalhador em razão do exercício do trabalho, tal como ocorre em relação à LER, e o acidente sofrido no trajeto de casa para o trabalho e vice-versa.
 
Com o objetivo de prevenir a ocorrência de acidentes do trabalho, existem, no Brasil, 37 Normas Regulamentadoras (as chamadas NRs), emitidas pelo antigo Ministério do Trabalho, que especificam padrões mínimos que devem ser respeitados no meio ambiente laboral, tais como: regras sobre o trabalho em altura, o contato com agentes químicos e biológicos, proteção contra incêndio, trabalho com explosivos, sobre os limites de tolerância para o frio e o calor, sobre instalação e serviços em eletricidade, entre outras.
 
Esses padrões são constantemente verificados pelos fiscais do trabalho, que realizam visitas às empresas e, caso constatem alguma irregularidade, emitem uma multa.
 
Assim, as Normas Regulamentadoras são a principal fonte de proteção no ambiente de trabalho, a fim de prevenir acidente dessa natureza. Sua revisão pode ser positiva, se isso significar a atualização dessas regras a um contexto mais atual. Se, porém, houver redução ou supressão de alguma proteção, há risco de se verificar o aumento da quantidade de acidentes em um país que já possui alto índice dessa ocorrência.

Fonte:
Exame.com, 30/05/2019

Compartilhe

Dr. Marcelo Mascaro

Advogado do Trabalho, CTO

Blog Mascaro

As tendências, oportunidades e novidades das áreas dos direitos do trabalho e cível, de gestão de pessoas e de cálculos trabalhistas e previdenciários

Noticias

Trabalhador trans tem direito a usar qual banheiro na empresa?

Advogado trabalhista explica o que a lei atual defende sobre a disponibilidade de sanitários de ac...

Ler mais
Noticias

Como combater o assédio moral no ambiente de trabalho?

Em artigo, o advogado trabalhista Marcelo Mascaro explica como atender a lei e manter um ambiente de trabalho seguro e sau...

Ler mais
Noticias

Igualdade salarial entre homens e mulheres: a empresa precisa comprovar? Como?

Advogado trabalhista explica como as companhias devem se posicionar para cumprir a lei e as possíveis penalidades, caso a ...

Ler mais
Noticias

A empresa pode fazer perguntas sobre signo e mapa astral em entrevista de emprego?

O advogado trabalhista Marcelo Mascaro explica se uma empresa pode ou não checar o signo durante o processo se...

Ler mais

Direto ao Ponto

por Dr. Marcelo Mascaro

Advogado com experiência e conhecimento, atuando na área há mais de 25 anos, Marcelo Costa Mascaro Nascimento mantém viva a tradição e a referência do nome Mascaro Nascimento.

- 21/09/23

O Trabalhador por aplicativo tem direitos?

Direto ao ponto - Marcelo Mascaro

Ler mais
- 16/08/23

Acordo coletivo prevalece sobre convenção coletiva?

Marcelo Mascaro Convenções e acordo coletivos têm como finalidade com...

Ler mais
- 25/05/23

A equiparação salarial entre empregados de diferentes empresas de grupo econômico

A equiparação salarial é uma decorrência lógica dos princípios da igualdade e da não discriminação. Ela está prevista no a...

Ler mais
Banheiro de local de trabalho
Mascaro na Exame - 29/07/22

A empresa pode restringir a ida ao banheiro de seus empregados?

Ler mais