Noticias - 15/07/2021

Trabalho fora da empresa. Posso ter descanso remunerado? – dúvida respondida pela advogada Vivian Dias

Trabalho fora da empresa. Posso ter descanso remunerado? – dúvida respondida pela advogada Vivian Dias

Vendedores externos têm direito a decanso remunerado todas as semanas? Especialista do Mascaro Nascimento Advocacia Trabalhista responde
 
Veículo: EXAME.COM
Data: 05/12/2013 
 
Respondido por  Vivian Dias, advogada do escritório Mascaro Nascimento Advocacia Trabalhista
Sim. Uma Súmula do Tribunal Superior do Trabalho (TST), de 23 de agosto de 2013, estabelece que o empregado que recebe sua remuneração de maneira comissionada, de forma pura ou fixo mais variável, ainda que seja pracista – ou seja, aquele que trabalha com vendas externas à empresa e não possui controle de jornada – deverá receber a remuneração correspondente ao descanso semanal remunerado e feriados.
 
Isso é recente, pois anteriormente existia uma dúvida, infelizmente, por conta de uma súmula do Superior Tribunal Federal (STF) com base na Lei n. 605/1949, que trata do assunto. Esta súmula afirmava que o vendedor pracista não tinha direito ao repouso semanal remunerado. Tal entendimento, contudo, era equivocado.
 
O TST precisou, então, se manifestar de forma a garantir a correta aplicação dos termos legais, já que no art. 1° da Lei n. 605 fica expressamente garantido que todo empregado tem direito ao repouso semanal remunerado de um dia (24 horas consecutivas), de preferência aos domingos e, respeitados os limites das exigências técnicas das empresas, também nos feriados civis e religiosos, de acordo com a tradição local.
 
Dessa forma, e em resumo, respondendo à sua pergunta, hoje não resta qualquer dúvida quanto à obrigatoriedade do pagamento da remuneração do repouso semanal e dos feriados aos empregados comissionistas, mesmo que pracistas, como é seu caso. Por isso, é preciso ficar atento e verificar se as empresas estão pagando corretamente esse direito. Caso contrário você pode entrar com uma reclamação trabalhista sobre o tema.
Envie suas dúvidas de direito trabalhista para o e-mail examecarreira@abril.com.br
 
 
 

Compartilhe

Dr. Marcelo Mascaro

Advogado do Trabalho, CTO

Blog Mascaro

As tendências, oportunidades e novidades das áreas dos direitos do trabalho e cível, de gestão de pessoas e de cálculos trabalhistas e previdenciários

Noticias

Trabalhador trans tem direito a usar qual banheiro na empresa?

Advogado trabalhista explica o que a lei atual defende sobre a disponibilidade de sanitários de ac...

Ler mais
Noticias

Como combater o assédio moral no ambiente de trabalho?

Em artigo, o advogado trabalhista Marcelo Mascaro explica como atender a lei e manter um ambiente de trabalho seguro e sau...

Ler mais
Noticias

Igualdade salarial entre homens e mulheres: a empresa precisa comprovar? Como?

Advogado trabalhista explica como as companhias devem se posicionar para cumprir a lei e as possíveis penalidades, caso a ...

Ler mais
Noticias

A empresa pode fazer perguntas sobre signo e mapa astral em entrevista de emprego?

O advogado trabalhista Marcelo Mascaro explica se uma empresa pode ou não checar o signo durante o processo se...

Ler mais

Direto ao Ponto

por Dr. Marcelo Mascaro

Advogado com experiência e conhecimento, atuando na área há mais de 25 anos, Marcelo Costa Mascaro Nascimento mantém viva a tradição e a referência do nome Mascaro Nascimento.

- 21/09/23

O Trabalhador por aplicativo tem direitos?

Direto ao ponto - Marcelo Mascaro

Ler mais
- 16/08/23

Acordo coletivo prevalece sobre convenção coletiva?

Marcelo Mascaro Convenções e acordo coletivos têm como finalidade com...

Ler mais
- 25/05/23

A equiparação salarial entre empregados de diferentes empresas de grupo econômico

A equiparação salarial é uma decorrência lógica dos princípios da igualdade e da não discriminação. Ela está prevista no a...

Ler mais
Banheiro de local de trabalho
Mascaro na Exame - 29/07/22

A empresa pode restringir a ida ao banheiro de seus empregados?

Ler mais